Arquivo da categoria: Bruna

Redução da Maioridade Penal: Você é contra ou a favor?

image

No dia 31/03/2015 a CCJ – Comissão de Constituição e Justiça considerou constitucional o projeto que tem por objetivo reduzir a maioridade penal de 18 para 16 anos.

Analisando alguns atos praticados por menores temos casos de grande repercussão, como o de Liana Friedenbach e Felipe Caffé que foram cruelmente assassinados por um menor de 16 anos. Em que pese o estado de saúde mental do agressor, o que chama mais atenção neste caso é a sua idade.

Diversos estudos já demonstraram que psicopatas dão sinais de seu comportamento quando ainda crianças. Mas e quanto aqueles os quais sua conduta não é determinada por qualquer disfunção em suas faculdades mentais, mas sim morais?

Com a decisão do CCJ temos uma sociedade dividida. Muitos são contra, muitos são a favor.

O assunto é complexo e exige muitas reflexões até que se chegue a um denominador comum. O primeiro questionamento que proponho é: O Estado no qual vivemos atualmente está preparado para essa medida?

Além  disto, o Estado oferece aos cidadãos a segurança jurídica que vemos em outros países? A sociedade brasileira está preparada para aderir integralmente as normas que a regem?

Caros leitores, não sejamos hipócritas e reconheçamos que a nossa sociedade é aquela conhecida como a que “dá o jeitinho”; que busca a todo instante lacunas nas leis para agir de acordo com sua conveniência; que venera a punição enquanto seus efeitos não atingem os seus; que criticam o Estado como um todo quando sentem os efeitos das normas.

Uma sociedade como esta pode realmente estar preparada para a redução da maioridade penal?

Aos que se interessam, existem estudos que demonstram que os sistemas prisionais não ressocializam. A ressocialização depende da vontade do indivíduo. Entretanto, cabe ao Estado na qualidade de garantidor de direitos, colocar à disposição dos que estão submetidos ao sistema mecanismos que lhe mostrem um segundo caminho.

Acatar a redução da maioridade penal significa promover a reestruturação de todo o Sistema. Significa reformular o Estatuto da Criança e do Adolescente, o Código de Processo Penal, a Lei de Execuções Penais e todas as demais normas a que se referem. Não basta apenas criarmos mecanismos punitivos e acumularmos pessoas como animais em jaulas.

Há muitos aspectos que precisam ser revistos. Antes de definirmos quantas vagas precisaremos nos presídios brasileiros, vamos cobrar as reformas necessárias para isto.

Sou contra ao que prega a doutrina no sentido de que um menor não tem ideia das consequências dos atos que pratica. Com o avanço da sociedade é preciso reconhecer que o adolescente de hoje não é o mesmo de décadas atrás. O Estado por sua vez precisa evoluir e acompanhar esta mudança, mas isto precisa ser planejado e pensado para que não seja mais um fracasso.

A favor da reestruturação do Sistema como um todo.

Amor incondicional

imageDiversos estudos comprovam que conviver com animais faz bem à saúde.

Em matéria divulgada pela Veja em outubro de 2013, foram citadas seis razões pra se ter um animal de estimação (http://veja.abril.com.br/noticia/saude/seis-provas-de-que-ter-um-bicho-de-estimacao-faz-bem-a-saude). Além desta matéria, há diversas publicações dedicadas ao assunto.

Mas ninguém melhor pra falar desses seres tão adoráveis do que seus donos.

Nós do Acima do Salto somos apaixonadas por bichos. Até mesmo a Jaque, nossa Mulan, que tinha um pouco de receio se apaixonou pela Luna, uma labrador linda que quebrou o gelo e desde que chegou só fez aumentar a felicidade da família.

Pela nossa foto vocês já devem ter percebido que somos todas dog lovers. Hoje, esse post é pra homenagear a Loli, filhota da Marceli que faleceu depois de diversos problemas de saúde. Embora muito bem cuidada, ela não resistiu.

E é nessa hora que vimos o amor incondicional que temos por essas criaturas, um amor que não se explica. O mesmo acontece com eles. Como pode um bichinho se apaixonar pela gente, nos olhar como se nos entendesse e fazer tanta festa com a nossa chegada – ainda que tenha sido uma saída de 10 minutos?!

Pois é, e ainda há quem maltrate e abandone.

Pensando nos nossos amores: Loli, Luna, Lord, Taz Henrique e Pingo Eduardo, o Acima do Salto manifesta seu apoio a quem ama e protege esses seres indefesos, que só têm a oferecer amor e alegria. Aderimos também a campanha Adote, não compre!

Denuncie os maus tratos e abusos! E curtam cada momento ao lado deles 🐩 #adotenaocompre #doglovers #caopanheiro.

image

Modelos da foto: Bruna e Taz Henrique, Jaqueline e Luna, Kássia e Lord, Marceli e Loli ❤️

Dica de amiga

 

Primeiro gostaria de agradecer a todos que curtiram nossa página no Facebook, e passaram por aqui pra dar uma olhadinha no que compartilhamos com vocês nessa nossa primeira semana de blogueiras. Obrigada pelo incentivo, galera!

Agora vamos ao post de hoje…

image

Queria dividir com vocês algumas coisinhas que eu uso diariamente e que me ajudam muito:

1) Para aquelas que usam maquiagem todos os dias, assim como eu, indico o demaquilante bifásico da Nivea. Ele tem óleo de girassol e remove rímel à prova d’água com a maior facilidade. E não pensem que deixa a pele oleosa, não. É um produto excelente e que faz efeito. Aprovo e indico!

2) Gel de limpeza para pele oleosa Normaderm da Vichy. Eu confesso que fiquei assustada com o efeito dele, gente! :0

É realmente uma limpeza profunda na pele. Ainda não tinha usado nenhum produto tão eficaz!!! Nem mesmo os que foram indicados pelo dermatologista fizeram o efeito desse gel. Recomendo! Podem usar e esperar uma pele perfeita no dia seguinte.

3) Uma opção boa e em conta pra cuidar dos cabelos, a linha restauradora Be Happy da Lola Cosméticos tocou meu coração s2.

É uma linha de produtos profissional mas acessível e que faz o efeito desejado. Não gosto muito de divulgar os valores, mas o meu kit de tratamento com shampoo, condicionador e finalizador, adquiri por R$ 45,00 em uma loja de produtos especializados. Estou bem satisfeita e também recomendo. Foi uma boa alternativa pra mim.

4) Por último, tem um achado incrível e imperdível que uso todos os dias religiosamente: Ceralip, hidratante labial da magnifica La Roche-Posay.

Conhecida por seus produtos sensacionais, não tinha como me decepcionar com o Ceralip. Uso todos os dias antes de dormir e na primeira semana já notei a diferença. Meus lábios não estão mais ressecados nem com aquele aspecto de rachado e de que estou sempre com sede (rsrsrs). Esse é pra andar na bolsa e ter sempre!!!

Bem, é isso galera. Só queria dividir com vocês o que tem feito bem pra mim nesses últimos tempos. Aproveitem as indicações. Espero que sejam tão boas quanto foram pra mim 😉

Ainda sobre Cinquenta tons de cinza…

image

Oi gente!

Estou muito animada com esse blog e com meu primeiro post! Uhuuuu!!! \o/\o/

Bem, hoje eu quero falar um pouquinho sobre a minha experiência com a leitura da trilogia que tem como livro inicial Cinquenta tons de cinza.

Sou apaixonada por livros e quando comecei a ouvir as críticas sobre Cinquenta, confesso que fiquei um pouco espantada. Houve uma crítica que chamou o livro de conto erótico e disse que era um conteúdo extremamente pesado. Ok, não tem mesmo muita sutileza, mas peraí… Será que você nunca fantasiou algo parecido com o que os livros da trilogia mencionam?!

Vamos combinar assim: antes de ler esse post até o final, você vai se despir de qualquer preconceito e vergonha. Sem timidez, por favor.

Pessoal, li os livros e cheguei à conclusão de que bolinhas de aço, chicote e algemas à parte, o que causou tanto reboliço foi o Christian Gray. Que mulher não ficaria fascinada com o homem descrito no livro?!

Ver tantas mulheres lendo os livros nas ruas com aquele sorrisinho no rosto, me fez refletir e concluir que os livros podem ser colocados na prateleira dos livros de auto ajuda sexual.  Sim! Auto ajuda para aquelas pessoas tímidas, que querem se libertar entre quatro paredes mas não conseguem.

Minhas lindas, não adianta ler Cinquenta porque o Christian Gray não existe e não vai bater à sua porta. Aproveitem a inspiração do livro e tentem alcançar o seguinte aprendizado: não precisa ter um homem desses pra ter um sexo incrível como o que o livro relata. Saibam escolher seus parceiros. Se ainda há algo que você não fez, talvez ele não soube conduzir bem a situação ou você ficou travada demais. Lembrem-se que o sexo pressupõe o mais alto nível de intimidade e confiança mútua. Havendo isso, pode deixar o livro de lado e se entregar completamente ao momento. Qualquer mulher pode ser uma Anastasia Steele e se transformar em uma fera entre quatro paredes. Pensem nisso!

Ah! Outra coisa importante, não precisa transformar em um tabu algo tão simples e instintivo, né?! Não trabalho em clínicas especializadas e nem sou terapeuta sexual, mas sexo, de fato, é vida. Escolham seus parceiros de modo consciente, previnam-se e se joguem!!! Have fun!